A eficiência das Estações de Tratamento de Efluentes das fábricas de papel da Klabin para remoção da Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO5) em 2012 superou os parâmetros legais estabelecidos para cada unidade. As unidades de Monte Alegre, Otacílio Costa e Angatuba apresentam alta eficiência de remoção. A unidade de Correia Pinto teve eficiência de remoção menor, porém dentro dos limites legais.
 

 

Descarte total de água, por qualidade e destinação(1) |GRI EN21|

2010 2011 2012
Destinação
Estação de Tratamento de Efluentes (m³) 53.009.332,88 54.060.768,92 55.193.932
Método de tratamento
Processo físico-químico, aeração e lodos ativados (m³) 53.009.332,88 54.060.768,92 55.193.932
Qualidade dos efluentes Klabin Papéis
Demanda Química de Oxigênio (DQO) (mg/l) 192,94 198,65 142,70
Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO) (mg/l) 47,22 35,84 18,80
(1) Em 2010, a unidade de Goiana (PE) não estava contemplada.

Nota: as unidades Betim (MG), Feira de Santana (BA), Guapimirim (RJ), Piracicaba (SP) e São Leopoldo (RS) reutilizam 100% de seus efluentes nas fábricas. Em Jundiaí Tijuco Preto (SP) e Lages 1 (SC), o índice é de 90%.
Nota: DBO e a DQO foram muito reduzidas dado a melhorias operacionais nas plantas de tratamento de efluente da Klabin.

 

Política Nacional de Resíduos Sólidos

A Klabin aderiu à coalizão formada por empresas, representadas por suas associações de classe, para a implementação de ações de um Sistema de Logística Reversa de resíduos de embalagens não perigosas que compõem a fração seca dos resíduos sólidos urbanos ou equiparáveis. Isso se deu em atendimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos e ao edital de chamamento do setor de embalagens para elaboração de um acordo setorial para a implantação de sistema de logística reversa.

Demonstrando o funcionamento da logística reversa no setor de papel e celulose, a Klabin comprou, em 2012, 135 mil toneladas no mercado de aparas, contribuindo com a redução da disposição de resíduos em lixões e aterros sanitários e com o retorno do material para a cadeia de reciclagem. A Klabin é uma das maiores recicladoras de papel do Brasil e tem três unidades de papel reciclado.
 

Peso total de resíduos (t) |GRI EN22|

Emissões, efluentes e resíduos
Peso total de resíduos, por tipo e método de disposição
Quantidade total de resíduos perigosos em toneladas, por método de disposição
a) Reciclagem
Resíduo 1 (resíduos diversos) 0,3
b) Incineração (ou uso como combustível)
Resíduo 1 Resíduos diversos contaminados 54,78
Resíduo 2 Resíduos diversos 83,91
Resíduos de Saúde 0,062
c) Outro Aterro Classe I
Resíduo 1 Resíduos diversos contaminados 350,35
d) Outro Descontaminação
Lâmpadas Queimadas 0,63195
Resíduos de Saúde 2,77195
Toalha Industrial 39,39145
Resíduos de saúde – autoclavagem 0,0123
Quantidade total de resíduos não perigosos, em toneladas, por método de disposição:
a) Compostagem
Resíduo 1 Resíduos orgânicos 1.810,968
Resíduo 2 Lodo de ETE 27.890,51
Resíduo 3 Cinzas de biomassa 88,95
b) Reciclagem
Big Bags 3.250,30144
Bombonas 232,96978
Contêineres 3,629
Embalagens de óleo lubrificante 0,395
Lâmpadas Queimadas 2,7996
Limpeza caixa separadora de óleo 13
Lodo da ETE 8.092,53
Lodo Primário da ETE 50.101,24
Madeira 1.117,695
Óleo de Cozinha 401,44558
Óleo Lubrificante Usado 602,36652
Pilhas e Baterias 1,706
Plásticos Recicláveis 9.243,35591
Pneus Inservíveis/Borracha 63,08
Refugos/Refile de Papel e Papelão 38.902,049
Rejeito de aparas 14,57
Resíduos de Construção Civil 979,901
Resíduos Informática 6,214
Sucatas Aço Inox 2,75
Sucatas Alumínio 0,76
Sucatas Arame 18,32
Sucatas Cobre 0,6
Sucatas Ferro 903,02791
Sucatas Metálicas 12.475,05181
Sucatas Plástico Branco (Transparente) 45,3
Sucatas Plástico Duro 32,2
Sucatas Plástico Preto 9,08
Tambor Metálico 234,691
Telas e Feltros 2,135
Outros resíduos 1.564,21
c) Recuperação
Resíduo 1 – Resíduos devolvidos ao fornecedor 107,36
d) Incineração (ou uso como combustível)
Madeira 304,396
Resíduos de Saúde 0,062
Resíduos de Construção Civil 37,24
Resíduos Plástico/Alumínio 4.624,41
e) Aterro sanitário
Resíduo 1 Resíduos não recicláveis 825,1785
f) Armazenagem no local
Resíduo 1 Lama de Cal 4.608,38
g) Outro (Aproveitamento Energético)
Resíduo 1 Casca 550.405,8233
Resíduo 2 Cavaco 65,27
Resíduo 3 Madeira 1.413,58
h) Outro (Aproveitamento agrícola/florestal)
Resíduo 1 Cinza de biomassa 51.379,85
Resíduo 2 Lama de Cal 18.711,87
Resíduo 3 Lodo biológico 35.532,1
Resíduo 4 Limpeza de pátio 14.817,438
i) Outro Aterro Classe II-A
Resíduo 1 Resíduos não recicláveis 61.578,4615
j) Outro Venda como corretivo de solo
Resíduo 1 Lama de Cal 74.351,39
k) Outro Aterro Classe II-B
Resíduo 1 Resíduos de construção civil 1.447,976

Nota: o resíduo de madeira presente no campo de incineração está relacionado à queima de biomassa como combustível. Os resíduos de construção civil e plásticos/alumínio estão relacionados ao coprocessamento. Os resíduos de saúde são incinerados.

 

Geração de resíduos da Klabin S.A. (mil ton.)