Líder no mercado nacional na produção de embalagens de papelão ondulado e maior convertedora de sacos industriais do país, a Klabin comercializou 638 mil toneladas de produtos convertidos em 2012, volume estável em relação a 2011. A receita líquida somou R$ 1.872 milhões, crescimento de 4%.

Foram investidos no ano R$ 131 milhões na área de conversão. Entre os grandes projetos em andamento estão obras de ampliação das unidades de Goiana (PE) e Jundiaí – Distrito Industrial (SP), com conclusão prevista para o primeiro semestre de 2013, que incluem a aquisição de duas novas onduladeiras, uma em Goiana, com capacidade para 300 metros/minuto, e outra em Jundiaí, de 400 metros/minuto, a maior máquina dessa natureza instalada no Brasil, em largura e velocidade. Os projetos preveem que a capacidade de produção da Unidade de Conversão aumentará 17%, para 680 mil toneladas/ano.

Conduzir o processo de ampliação das plantas sem prejudicar as operações e sem desabastecer o mercado foi o maior desafio enfrentado pela unidade em 2012. Os esforços para cumprir o cronograma das obras permitiram atender toda a demanda do mercado de frutas no Nordeste a partir da produção na planta de Goiana, sem a necessidade de buscar material, como chapas e caixas, em outras unidades, como era feito anteriormente.