A Klabin promove programas socioeducativos e culturais de complementação à educação formal direcionados aos filhos dos colaboradores da região de Telêmaco Borba (PR) com o objetivo de contribuir na formação de valores de crianças e adolescentes.

Esses programas, elaborados a partir de reuniões com autoridades e representantes das secretarias municipais de Ação Social e de Educação, contam com uma equipe de profissionais contratados para planejar, executar e acompanhar seu desenvolvimento, e com voluntários. São realizadas oficinas sobre temas do dia a dia das comunidades, como educação no trânsito, saúde, comportamento e meio ambiente, permitindo a formação da ética e da cidadania.

Os principais programas são:

Programa Caiubi - Iniciado em 2001 no Paraná e estendido em 2007 para Santa Catarina, é uma iniciativa de educação ambiental que reúne especialistas para capacitar professores das redes municipal e estadual na didática da preservação ambiental. Em 2012, o programa beneficiou 7.650 alunos.

Protetores Ambientais – Realizado em parceria com a Polícia Ambiental de Santa Catarina desde 2005, o programa incentiva o respeito às pessoas e ao meio ambiente e o desenvolvimento social, resgatando a cidadania. Em 2012, foram realizadas ações de preservação da natureza, legislação ambiental, aspectos da fauna e da flora locais, primeiros socorros, civismo, moral e ética que contaram com a participação de 220 jovens. Destes, 195 já estão formados, sendo 55 do Município de Otacílio Costa, 30 de Correia Pinto, 55 de Lages, 30 de Palmeira e 25 de Ponte Alta. Outros 25 jovens de Correia Pinto se formarão em 2013.

Guardiões da Natureza – Criado em 2007, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Telêmaco Borba e o Batalhão da Polícia Militar Ambiental do Estado do Paraná, o programa oferece treinamentos teóricos e práticos sobre preservação da natureza, legislação ambiental, aspectos da fauna e da flora locais, primeiros socorros, civismo, moral e ética ministrados por integrantes do Batalhão da Polícia Militar Ambiental no Parque Ecológico da Klabin, contando com visitas a instituições, como o Corpo de Bombeiros e a Usina de Reciclagem do município. Em 2012, foram capacitados 39 agentes pelo programa.

Consórcio Intermunicipal para a Proteção Ambiental da Bacia do Rio Tibagi (Copati) – A Klabin, em parceira com o Copati, entidade sem fins lucrativos com 24 anos de atuação, ajuda a preservar uma das mais importantes bacias hidrográficas do Brasil. Entre as atividades desenvolvidas em conjunto estão o mapeamento da fauna e da flora da bacia, o monitoramento da qualidade da água e projetos de educação ambiental em 36 municípios. Um deles é o Programa de Educação Ambiental Pingo d’Água, que capacita professores do quarto ano do ensino fundamental para trabalharem a temática ambiental, contando com material didático especifico que inclui Manual do Professor, Cartilha do Aluno e Caderneta de Campo. Em 2012, o programa desenvolveu mais de 150 atividades e atingiu 2.700 professores e 35 mil alunos dos 36 municípios da área de influência direta da bacia.

Meninas Cantoras – Mantido desde 2004 na Unidade Monte Alegre, em Telêmaco Borba (PR), esse coral proporciona o estudo de teoria musical, ritmo e técnica vocal, contribuindo com o desenvolvimento do companheirismo e da percepção auditiva, expressão, criatividade, autocrítica, disciplina e responsabilidade de crianças e adolescentes filhas de colaboradores da empresa e jovens da comunidade. O grupo é composto por 65 meninas entre 7 e 17 anos.

Em 2012, o mote foi o aniversário de 70 anos do cantor Milton Nascimento, e foram realizadas 15 apresentações nas cidades de Telêmaco Borba (PR) e Lages (SC). As Meninas Cantoras já se apresentaram para mais de 15 mil pessoas em cidades dos estados do Paraná, São Paulo e Santa Catarina interpretando repertórios eruditos e populares.

Passo Certo – O programa, desenvolvido no Espaço Cultural Vera Lafer, da Unidade Monte Alegre, tem como objetivo a manifestação artística e a valorização da cultura e, em 2012, atendeu 125 crianças e adolescentes, entre 6 e 17 anos, filhos de colaboradores da unidade. Por meio de atividades de dança contemporânea e capoeira, são transmitidos conteúdos técnicos, como contato com a música, interpretação, instrumentos, noção de tempo e espaço, figurinos e cenários, além de valores, como respeito e companheirismo. Assim, o programa colabora com a desenvolvimento da percepção, reflexão, expressão, senso crítico e criatividade ao mesmo tempo em que fortalece o exercício da cidadania e promove a superação.

Os jovens do Passo Certo já se apresentaram em cidades dos estados do Paraná, São Paulo e Santa Catarina para mais de 18 mil pessoas.

Nossa Língua Digital – Implantado no primeiro semestre de 2009, o programa é uma parceria com o Instituto Jaborandi, organização não governamental com sede em São Paulo (SP) voltada à melhoria da educação formal e informal de adolescentes. Com o selo de qualidade do Ministério da Educação, o programa usa a tecnologia da informação para aprimorar as habilidades de comunicação oral e escrita, tratando de temas como identidade, sexualidade, meio ambiente, cidadania e drogas.

Direcionada a jovens entre 13 e 18 anos, filhos de colaboradores da Unidade Monte Alegre (PR) e membros da comunidade de Telêmaco Borba, a iniciativa beneficiou mais de 1.000 adolescentes e certificou 136 alunos em 2012.

Nosso Planeta, Nossa Casa – Realizada pela Klabin em parceria com a Junior Achievement, a iniciativa visa conscientizar crianças e adolescentes para o desenvolvimento sustentável e o consumo consciente. No programa-piloto, entre agosto e setembro de 2012, 45 funcionários da Klabin capacitados pela parceira deram aulas, durante o horário de trabalho, a 450 alunos do 5º ao 7º ano da rede pública das cidades de Angatuba (SP), Correia Pinto (SC), Otacílio Costa (SC) e Telêmaco Borba (PR).

Projeto Oficina Escola de Luthieria – A Klabin patrocina essa iniciativa da Universidade Livre da Cultura, que conta com o apoio do Instituto Federal do Paraná (IFPR). O projeto consiste na oferta de um curso técnico em luthieria, ou fabricação de instrumentos musicais, de acordo com as normas brasileiras da Educação Profissional Técnica de Nível Médio. O início das aulas da oficina está previsto para 2013.

Destinado a jovens de regiões vulneráveis de Telêmaco Borba atendidos pelos programas públicos CRAS/CREAS e oriundos de programas de ajuda a dependentes químicos, o projeto forma profissionais para um mercado em expansão, dada a demanda pelo retorno do ensino da música na rede pública, além de aproveitar o potencial do polo madeireiro da cidade.

Programas de Visitas Monitoradas – Com o objetivo de transmitir informações socioambientais a professores e alunos do Programa Caiubi e à comunidade dos municípios da região, o programa promove desde 2007 visitas à Trilha Araucária, com 1.260 m de extensão e entremeada pela mata nativa das áreas florestais da Klabin no município de Correia Pinto, em Santa Catarina. Foram 2.957 visitantes até o final de 2012.

No Paraná, as visitas monitoradas acontecem no Parque Ecológico de Monte Alegre, onde também são recebidos os alunos das escolas participantes do Programa Caiubi. Em 2012, dos 34.985 visitantes, 983 foram estudantes e professores de 35 escolas municipais de Telêmaco Borba.