Para continuar crescendo e criando valor para a cadeia produtiva, a Klabin investe permanentemente no aperfeiçoamento de seus processos de gestão e operação atrelados às diretrizes estratégicas desenvolvidas pela companhia. Em 2012, as temáticas inovação e  sustentabilidade estiveram ainda mais presentes no planejamento, nas ações e no desenvolvimento dos negócios da empresa.

Em seu ciclo anual de planejamento, a empresa aprovou objetivos e direcionamentos estratégicos, resultando no plano plurianual de investimentos da Klabin S. A. Além disso, metas e indicadores, englobando aspectos de mercados, insumos e produtos, foram desdobrados a partir deste processo.

Entre os objetivos traçados pela Klabin para curto e médio prazos estão a consolidação de sua liderança em todos os segmentos de atuação usando a inovação como um dos pilares de reforço de sua competitividade. Assim, a empresa reitera sua orientação de busca por crescimento constante, integrado e responsável, unindo rentabilidade, desenvolvimento social e compromisso ambiental.

O planejamento estratégico da companhia reflete sua visão sobre o futuro dos mercados em que a Klabin atua, bem como outros negócios relacionados direta e indiretamente com sua operação atual, mantendo como foco os diferenciais que a tornam uma das maiores empresas do setor:

  •   Sustentabilidade florestal como diferencial competitivo
  •   Base regional para crescimento, com participação no mercado internacional através de exportações
  •   Equilíbrio sustentável entre qualidade e custos por meio de investimento em tecnologia e sistemas de gestão

O conceito de sustentabilidade orienta a atual gestão da Klabin. Por isso, a empresa montou um sistema de governança específico para tratar o tema, composto por um Comitê de Sustentabilidade, que inclui membros da diretoria executiva, o CEO e um membro externo, uma Comissão de Sustentabilidade, composta por representantes de áreas internas, como Ambiental, Comunicação, Supply Chain e Social, além de uma Gerência de Sustentabilidade, que consolida a gestão de sustentabilidade.

Para um foco mais adequado aos negócios e à sustentabilidade, em 2012 as áreas de Produtos Florestais não Madeireiros e o Parque Ecológico, em Telêmaco Borba, foram realocados para a Diretoria de Estratégia e Sustentabilidade para agregar valor institucional aos temas correlatos.